Menu

Atividade física: sempre é tempo para começar

11 Maio de 2018

Para envelhecer bem, é preciso manter-se em movimento. Um corpo ativo preserva a memória dos movimentos. O exercício, mesmo o de menor intensidade, proporciona melhor condicionamento e mais resistência física, além de desenvolver a coordenação motora, facilitando a execução de atividades do cotidiano. Estudos mostram benefícios mesmo para quem foi sedentário a vida inteira e começou a exercitar-se já na maturidade.

Se você quer chegar à terceira idade realizando tarefas simples, como subir escadas ou carregar sacolas, sem precisar de ajuda, é hora de pensar em incluir na sua vida a prática de uma atividade física regular: quanto antes, melhor.

Um fator importante é fazer algo de que você goste, com que se identifique, para não abandonar a atividade poucos meses após ter começado. Seguem, abaixo, algumas sugestões para você se inspirar e deixar a preguiça de lado.

Caminhada

Para quem quer começar devagar, a caminhada é uma excelente escolha. Caminhar fortalece o sistema cardiovascular e a musculatura. Cuidado somente com a escolha do calçado e leve sempre um chapéu ou boné para se proteger do sol. Convidar um parente ou amigo ou se juntar a um grupo do bairro para manter a frequência e não desanimar são boas opções.

Hidroginástica

De impacto ainda mais baixo do que a caminhada, a hidroginástica oferece inúmeros benefícios. Melhora o sistema cardiovascular, aumenta a flexibilidade e a resistência muscular e ainda reduz a perda de massa óssea. A prática é muito indicada para idosos com problemas de articulação. O contato com a água também reduz a ansiedade e melhora o humor e, por ser uma atividade em grupo, favorece a interação social. Experimente!

Musculação

A musculação é excelente para recuperar a força dos movimentos e para fortalecer a musculatura que foi se perdendo após anos de sedentarismo. Trabalhando membros superiores e inferiores, com as instruções corretas, ganha-se mais resistência e flexibilidade. Pode parecer difícil no começo, mas depois que você ganha ritmo e os resultados começam a aparecer, vira uma mania ir para a academia. Pode apostar!

Yoga, Pilates ou Tai Chi Chuan

Quem nunca curtiu academia ou musculação, quando jovem, deve pensar em outras práticas corporais. Yoga, Pilates ou Tai Chi Chuan são boas alternativas para quem busca fortalecimento e equilíbrio. Além de aumentarem a resistência e a concentração, as três modalidades são indicadas para quem já está na terceira idade, pois reduzem o estresse e a ansiedade.

Lembre-se, sempre, de alongar-se antes de praticar qualquer atividade física, para evitar lesões, e de manter-se hidratado. E não se esqueça de consultar o seu cardiologista ou o médico da família para discutirem juntos sobre a melhor escolha a fazer.