Menu
Jovem, 18 anos, com palpitações

Jovem, 18 anos, com palpitações

09 fevereiro de 2018

Essa jovem, 18 anos, iniciará o curso de Educação Física em uma Universidade Federal. No exame médico foi encontrada alteração no ECG. Ela refere palpitações, que relaciona com momentos de ansiedade.

1) Dê o laudo no traçado de ECG.

2) Do que se trata e qual será a sua conduta?

Síndrome de Wolff-Parkinson-White (WPW).

Essa síndrome (conjunto de sinais e sintomas de uma determinada patologia) tem origem congênita, acometendo de 0,1 a 0,3% da população.

Existe uma via anômala ligando os átrios aos ventrículos, capaz de conduzir os estímulos elétricos, em paralelo ao sistema normal de condução (composto pelo nó sinusal, feixes internodais, nó A-V, feixe de His, Ramos e rede de Purkinje).

Devido a isso o ECG mostrará intervalo P-R curto (<0,12 s), onda delta e distúrbios secundários da repolarização ventricular.

Perto de 50% das pessoas com essa via anômala serão assintomáticas. A outra metade terá taquicardia paroxística supraventricular – TPSV (a manifestação clínica mais comum) e, em menor proporção, fibrilação atrial.
Nos sintomáticos poderão ser usadas a amiodarona ou a propafenona ou o encaminhamento para a ablação da via anômala por catéter.