fbpx
Menu
Mulher, 91 anos, referindo desconforto torácico e dispneia

Mulher, 91 anos, referindo desconforto torácico e dispneia

16 abril de 2018

Mulher, 91 anos, referindo desconforto torácico e dispneia há três dias sofre queda em domicílio e apresenta-se no pronto-socorro acompanhada da filha. Mostra-se com ferimento cortocontuso e sangramento na região frontoparietal direita.

PA: 190/60 mmHg. Qual o diagnóstico e a conduta?

A) Fazer assepsia, sutura, vacina antitetânica e liberar para o domicílio;

B) internar para averiguar a causa da queda (Doença coronariana aguda? Hipoglicemia? AIT? Neoplasia? Outras causas?);

C) BAVT – Implante de marcapasso definitivo imediato;

D) BRD e bradicardia sinusal – Solicitar Holter de 24 horas para a melhor interpretação dos achados do eletrocardiograma;

E) IAM CSSST anterosseptal – Realizar trombolítico e/ou angioplastia, seguida de ancoragem de stent.

BAVT pós-hissiano degenerativo.

Essa paciente deverá ser Internada imediatamente para submeter-se ao implante de marcapasso definitivo bicameral.

A vinheta clínica “idosos no pronto-socorro com frequências cardíacas próximas a 40 bpm ou menores deve ser BAVT” aplica-se perfeitamente nesse caso. Lembre-se disso!

O ECG, além da extrema bradicardia, mostra que o foco de escape encontra-se no ventrículo esquerdo (padrão de BRD). O intervalo Q-T está prolongado e há ondas T negativas e profundas na parede anterior e inferior.